faça sua denúncia....
  Home  |  Matérias  |  Expediente  |  Editorial  |  Contato    
  :::  www.anticartel.com ::: 

____________________________________________________________________________________________


Condenados desde 2006, Paulo Guedes, Aliberto Alves e Luiz Moan (caroneiro), eles já apresentaram quase meia centena de recursos para não cumprirem as penas impostas pela Justiça

24/07/2014 - Está no gabinete do ministro Gilson Dipp, vice-presidente do Superior Triibunal de Justiça (STJ), aguardando por decisão, a trigésima terceira medida intentada pelos condenados por crimes contra a ordem econômica – formação de cartel – Paulo Roberto Guedes (então presidente da ANTV) e Aliberto Alves (então presidente do Sindicam). Eles levam de arrasto, o também condenado Luiz Moan Yabiku Júnior, diretor para assuntos institucionais da General Motors do Brasil, atualmente no exercício da presidência da Anfavea. Desta vez, a medida é um Recurso Especial com Recurso Extraordinário.

Condenados pela Justiça Federal do Rio Grande do Sul, em Porto Alegre, no mês de junho de 2006 por crimes contra a ordem econômica, formação de cartel no setor de transporte de veículos novos, os três já ajuizaram quase meia centena de recursos com a finalidade de fugir do cumprimento das penas impostas pelo poder Judiciário. Só no TRF4 (Tribunal Regional Federal da quarta Região), foram nada menos do que 12 recursos. Nenhum alterou uma vírgula sequer da sentença condenatória. No Superior Tribunal de Justiça (STJ), foram 18 recursos. Nenhum alterou uma vírgula sequer da sentença condenatória. No Supremo Tribunal Federal (STF), outras três medidas (habeas corpus) foram tentadas igualmente. Nenhuma delas alterou uma vírgula sequer da sentença condenatória.  leia mais...
_______________________________________________________________________________________________

GM segue exemplo da Renault. Continua obedecendo aos comandos do braço político da organização
criminosa que controla o setor e pagando frete bem mais caro

22/07/2014 - Recebendo ordens superiores, quatro diretores e seis responsáveis pela área de logística da General Motors do Brasil preparavam os ajustes finais na contratação de duas novas transportadoras não vinculadas à organização criminosa que controla o setor (formada pelo Sindicam e ANTV) para ajudar no escoamento da produção nas plantas brasileiras da montadora. Transportes Gabardo e RGLog (do mesmo grupo) estavam convictas de que iniciariam as operações de transporte dentro de 30 dias. Pelo menos era o que estava combiando nas reuniões entre representantes da GMB e das transportadoras.

Priscila Savoia, Ricardo Nogueira, Paulino Bispo, Luz Rodrigues, Gilberto Lima Oliveira,  Luis Pedrassani, Fabio Duarte Gomes, Karin Guastapaglia, Theo Pizzinatto e Katia Hashimoto Hirata, (subalternos do Sindicato dos Cegonheiros de São Paulo – Sindicam).  leia mais...
_______________________________________________________________________________________________

17/07/2014 - O Conselho Administrativo de Defesa Econômica – Cade celebrou, nesta semana, Termo de Compromisso de Cessação – TCC com a Redecard Sociedade Anônima por meio do qual a empresa se compromete a se abster de praticar quaisquer condutas prejudiciais à ordem econômica e à livre concorrência. O acordo foi firmado no âmbito do Processo Administrativo 08012.004089/2009-01, que apura supostas práticas de abuso de posição dominante e limitação à concorrência no mercado brasileiro de facilitação e acompanhamento de transações comerciais pela internet.

Os facilitadores são agentes que operam no comércio eletrônico oferecendo, entre outros serviços, a possibilidade de que os consumidores realizem transações eletrônicas sem precisar informar às lojas virtuais seus dados financeiros, de modo que os estabelecimentos comerciais recebem os pagamentos sem precisarem estar credenciadas a diferentes operadoras de cartão de crédito. 
leia mais...

  ::: ARTIGOS :::  
A covardia das montadoras...
   ::: SUCURSAIS :::
*Salvador (BA) *Anápolis (GO) *Belo Horizonte (MG)
*Betim (MG) *Brasília (DF) *Camaçari (BA)
*Curitiba (PR) *Goiânia (GO) *Gravataí (RS)
*Porto Alegre (RS) *Porto Real (RJ) *São Paulo (SP)
*São Bernardo do Campo (SP)  
*São José dos Pinhais (PR)  
*Rio de Janeiro (RJ) Redação - NOSSO EXPEDIENTE
Últimas Notícias
04/06/2014 - Cartel do cimento leva multa de R$ 3,1 bilhões do Cade...
20/05/2014 - Cade pode condenar sete shoppings de Porto Alegre e três de São Paulo por adoção de cláusulas de raio...
29/04/2014 - STJ mantém condenação de diretor da General Motors e atual presidente da Anfavea por crime de formação de cartel...
Veja mais notícias...
 
LINKS
visite nosso site...
visite nosso site...
Em breve mais links
 
Visitantes:
 
 
 
 
 
 
Copyright © ANTI-CARTEL  Contato   Expediente Designed by ANTI-CARTEL