faça sua denúncia....
  Home  |  Matérias  |  Expediente  |  Editorial  |  Contato    
  :::  www.anticartel.com ::: 

____________________________________________________________________________________________

Montadora paga frete até 70% mais caro à Sada, segundo levantamento feito pelo Ministério Público Federal

27/02/2015 - Embora o Ministério Público Federal de Minas Gerais tenha anunciado recurso para aumentar a pena imposta ao empresário Vittorio Medioli, até a sexta-feira, no Tribunal Regional Federal da Primeira Região não havia registro relativo ao processo. O proprietário do grupo Sada foi condenado em primeira instância na Justiça Federal, a cinco anos e cinco meses de prisão, por crimes contra o sistema financeiro. Ele teria mandado para o exterior, pelo menos quatro remessas de dólares americanos, totalizando US$ 595 mil, sem conhecimento das autoridades brasileiras.

Em sua sentença de 32 páginas, a juíza federal Rogéria Maria Castro Debelli, da quarta vara de Belo Horizonte-MG, assegura que “os documentos de folhas 61/64, indicam o acusado (Vittorio Medioli) como titular de conta não declarada à repartição federal competente, mantida no exterior, para a qual remeteu, sem autorização legal, US$ 595.000 (quinhentos e noventa e cinco mil dólares americanos). Não se revela crível que recursos dessa monta tenham sido enviados e mantidos em conta no exterior de titularidade do acusado, a sua revelia, como parece querer sustentar sua defesa”. 
leia mais...
_______________________________________________________________________________________________

Dono da Sada teria enviado ilegalmente US$ 595 mil para o exterior. Medioli também é réu em ação penal movida pelo Gaeco em São Bernardo do Campo-SP

23/02/2015 - Embora o Ministério Público Federal de Minas Gerais tenha anunciado recurso para aumentar a pena imposta ao empresário Vittorio Medioli, até a sexta-feira, no Tribunal Regional Federal da Primeira Região não havia registro relativo ao processo. O proprietário do grupo Sada foi condenado em primeira instância na Justiça Federal, a cinco anos e cinco meses de prisão, por crimes contra o sistema financeiro. Ele teria mandado para o exterior, pelo menos quatro remessas de dólares americanos, totalizando US$ 595 mil, sem conhecimento das autoridades brasileiras.

Em sua sentença de 32 páginas, a juíza federal Rogéria Maria Castro Debelli, da quarta vara de Belo Horizonte-MG, assegura que “os documentos de folhas 61/64, indicam o acusado (Vittorio Medioli) como titular de conta não declarada à repartição federal competente, mantida no exterior, para a qual remeteu, sem autorização legal, US$ 595.000 (quinhentos e noventa e cinco mil dólares americanos). Não se revela crível que recursos dessa monta tenham sido enviados e mantidos em conta no exterior de titularidade do acusado, a sua revelia, como parece querer sustentar sua defesa”. 
leia mais...
_______________________________________________________________________________________________


Longe de promover o rompimento do cartel, Sada agregaria grupo de carreteiros pernambucanos que reivindica participar do mercado



11
/02/2015 - O blog assinado pelo jornalista Joseilson Chagas, divulgou que os cegonheiros de Pernambuco acabam de dar um passo imortante na luta pelo direito de transportar os veículos produzidos pela fábrica da Fiat localizada na cidade de Goiana-PE. De acordo com a publicação, em audiência realizada com a participação da Fiat, Ministério do Trabalho e Sintrave-PE (o sindicato dos cegonheiros do estado), a montadora “reconheceu a legitimidade dos cegonheiros do Estado e deu o aval para que a Sada inclua o Sintrave-PE no transporte dos veículos”.

Com o apoio da Fiat, o Sintrave-PE passaria a ter a fábrica como grande parceira, que reconheceu com o ato, entender o merecimento dos pernambucanos, já que a empresa retribui com a atitude, todo incentivo dado pelo Estado, diz o blog.

Resta saber, ainda de acordo com o jornalista, “qual a decisão da Sada: se ela vai atender a recomendação da Fiat e a reivindicação da categoria local, ou se vai continuar se omitindo em benefício do cartel junto com o Sindicato dos Cegonheiros de Minas Gerais, o Sintrauto”.

Os cegonheiros pernambucanos continuam mobilizados e, de forma pacífica, mostram à sociedade que a luta continuará até a resolução positiva de suas reivindicações. 
leia mais...


  ::: ARTIGOS :::  
A covardia das montadoras...
   ::: SUCURSAIS :::
*Salvador (BA) *Anápolis (GO) *Belo Horizonte (MG)
*Betim (MG) *Brasília (DF) *Camaçari (BA)
*Curitiba (PR) *Goiânia (GO) *Gravataí (RS)
*Porto Alegre (RS) *Porto Real (RJ) *São Paulo (SP)
*São Bernardo do Campo (SP)  
*São José dos Pinhais (PR)  
*Rio de Janeiro (RJ) Redação - NOSSO EXPEDIENTE
Últimas Notícias
06/02/2015 - Motoristas de cegonheiros param transporte de veículos da General Motors em Gravataí-RS...
16/01/2015 - Fiel ao cartel, Fiat ignora reunião no Ministério do Trabalho com cegonheiros de Pernambuco...
12/01/2015 - Assembleia carioca contesta ADI em defesa de cartel ajuizada pela CNT...
Veja mais notícias...
 
LINKS
visite nosso site...
visite nosso site...
 
Visitantes:
 
 
 
 
 
 
Copyright © ANTI-CARTEL  Contato   Expediente Designed by ANTI-CARTEL